Bem vindo ao Sebo da Lulu!

Envolvido em Histórias: Sobre o Ser do Homem e o da Coisa

Mais Imagens

Envolvido em Histórias: Sobre o Ser do Homem e o da Coisa
  • Código de Produto: 1349
  • Editora: Sergio Antonio Fabris Editor
  • Autor(a): Wilhelm Schapp
até 12 x R$ 10,63
R$105,90

Calcular Frete e Prazos

Não sei meu CEP
SUMÁRIO
Prefácio da terceira edição alemã - Publicada em 1985
Introdução
Capítulo 1 - As histórias e o que nelas figura - O envolvido em
histórias - A coisa-para na história - A coisa-para no mundo exterior
Capítulo 2 - Sobre o entendimento através da linguagem - A narração e a compreensão
PRIMEIRA SEÇÃO
A coisa-para no mundo exterior e sua percepção
Capítulo 1 - As definições da coisa-para - O "a partir de" da coisa-para, a matéria
Capítulo 2 - Os horizontes da coisa-para
Capítulo 3 - O contexto do surgimento primário da matéria - Serrar, perfurar, martelar .
Capítulo 4 - A coisa-para no mundo colorido - O vazio - A unidade da coisa-para visível e da coisa-para tateada
Capítulo 5 - As coisas-para e as outras coisas
Capítulo 6 - O surgimento do mundo exterior como um todo - O surgimento dos outros homens, dos animais e das plantas
Capítulo 7 - O espaço euclidiano e a coisa-para - A coisa-para rígida, enquanto configuração básica da geometria - O mundo exterior, enquanto sistema rígido
Capítulo 8 - Indivíduo e espécie - A espécie em relação às coisas-para - A espécie no reino animal- A noção de espécie em outros âmbitos
Capítulo 9 - A proposição universal.
Capítulo 10 - Sobre a chamada percepção e suas modificações - As qualidades dos sentidos - A representação da imagem -As pretensas modificações da percepção
SEGUNDA SEÇÃO
Envolvido em histórias
Capítulo 1 - História e objeto - Penetrar na história não é uma análise de objeto - A história, enquanto história de outrem, enquanto história própria, enquanto história coletiva
Capítulo 2 - A história de outrem narrada, suas dimensões e horizontes - Nossa contribuição à história narrada
Capítulo 3 - Resumo de nosso trabalho - Não se trata de análise eidética
Capítulo 4 - História e imagem (representação) - A relação da história com a ilustração
Capítulo 5 - Visão geral de alguns contextos em que a história se insere
Capítulo 6 - A história representa o homem
Capítulo 7 - Narrar e escutar - Como uma história prossegue a partir da narração e da escuta
Capítulo 8 - O conhecimento das histórias - A palavra-chave para o surgimento das histórias
Capítulo 9 - Nova tentativa concemente à narração e à escuta
Capítulo 10 - O auto-envolvimento - Em oposição ao envolvimento de outrem - Como uma história alheia pode se tomar uma história própria - Como se esgota o ser homem no estar envolvido em histórias
Capítulo 11 - O auto-envolvimento (continuação) - O estigma da história própria - Nenhuma história pode ser retirada de nossa vida - A conexão nas histórias do auto-envolvido-A direção do crescimento nas histórias
Capítulo 12 - Como o acesso ao homem e, analogamente, ao animal e à planta, somente tem lugar através das histórias - O abismo entre os indivíduos e a ponte sobre o abismo .
Capítulo 13 - A história e o tempo
Capítulo 14 - A teoria da alma e sua relação com nossa investigação- O estar envolvido em histórias e o reconhecimento das histórias - Histórias de quando se está desperto, histórias de sonhos, histórias de embriaguez, histórias de demência, histórias de magia .
Capítulo 15 - O estar envolvido em histórias e o agir- Causalidade e liberdade
Capítulo 16 - Visão geral sobre a questão de saber se pode haver algo fora do contexto das histórias
Capítulo 17 - Visão geral da relação de nossas reflexões sobre a pesquisa dos fenomenólogos - Fatos e história - Proposição e história
Capítulo 18 - A teoria da verificação - Como as histórias são verificadas - Sobre a autodefinição - A história como parábola - História e caso
Capítulo 19 - Nós e eu - O Nós na história universal profana - O Nós na história universal religiosa
Posfácio - Envolvimento e enredo. É concebível uma fenomenologia pura da narratividade?
  •  FRETE GRÁTIS para compras acima de R$199,00.
  • Satisfação garantida ou seu dinheiro de volta.
  • Parcele suas compras em até 6 vezes.
  • 7 dias para troca e devolução grátis!
Descrição

Detalhes

SUMÁRIO Prefácio da terceira edição alemã - Publicada em 1985 Introdução Capítulo 1 - As histórias e o que nelas figura - O envolvido em histórias - A coisa-para na história - A coisa-para no mundo exterior Capítulo 2 - Sobre o entendimento através da linguagem - A narração e a compreensão PRIMEIRA SEÇÃO A coisa-para no mundo exterior e sua percepção Capítulo 1 - As definições da coisa-para - O "a partir de" da coisa-para, a matéria Capítulo 2 - Os horizontes da coisa-para Capítulo 3 - O contexto do surgimento primário da matéria - Serrar, perfurar, martelar . Capítulo 4 - A coisa-para no mundo colorido - O vazio - A unidade da coisa-para visível e da coisa-para tateada Capítulo 5 - As coisas-para e as outras coisas Capítulo 6 - O surgimento do mundo exterior como um todo - O surgimento dos outros homens, dos animais e das plantas Capítulo 7 - O espaço euclidiano e a coisa-para - A coisa-para rígida, enquanto configuração básica da geometria - O mundo exterior, enquanto sistema rígido Capítulo 8 - Indivíduo e espécie - A espécie em relação às coisas-para - A espécie no reino animal- A noção de espécie em outros âmbitos Capítulo 9 - A proposição universal. Capítulo 10 - Sobre a chamada percepção e suas modificações - As qualidades dos sentidos - A representação da imagem -As pretensas modificações da percepção SEGUNDA SEÇÃO Envolvido em histórias Capítulo 1 - História e objeto - Penetrar na história não é uma análise de objeto - A história, enquanto história de outrem, enquanto história própria, enquanto história coletiva Capítulo 2 - A história de outrem narrada, suas dimensões e horizontes - Nossa contribuição à história narrada Capítulo 3 - Resumo de nosso trabalho - Não se trata de análise eidética Capítulo 4 - História e imagem (representação) - A relação da história com a ilustração Capítulo 5 - Visão geral de alguns contextos em que a história se insere Capítulo 6 - A história representa o homem Capítulo 7 - Narrar e escutar - Como uma história prossegue a partir da narração e da escuta Capítulo 8 - O conhecimento das histórias - A palavra-chave para o surgimento das histórias Capítulo 9 - Nova tentativa concemente à narração e à escuta Capítulo 10 - O auto-envolvimento - Em oposição ao envolvimento de outrem - Como uma história alheia pode se tomar uma história própria - Como se esgota o ser homem no estar envolvido em histórias Capítulo 11 - O auto-envolvimento (continuação) - O estigma da história própria - Nenhuma história pode ser retirada de nossa vida - A conexão nas histórias do auto-envolvido-A direção do crescimento nas histórias Capítulo 12 - Como o acesso ao homem e, analogamente, ao animal e à planta, somente tem lugar através das histórias - O abismo entre os indivíduos e a ponte sobre o abismo . Capítulo 13 - A história e o tempo Capítulo 14 - A teoria da alma e sua relação com nossa investigação- O estar envolvido em histórias e o reconhecimento das histórias - Histórias de quando se está desperto, histórias de sonhos, histórias de embriaguez, histórias de demência, histórias de magia . Capítulo 15 - O estar envolvido em histórias e o agir- Causalidade e liberdade Capítulo 16 - Visão geral sobre a questão de saber se pode haver algo fora do contexto das histórias Capítulo 17 - Visão geral da relação de nossas reflexões sobre a pesquisa dos fenomenólogos - Fatos e história - Proposição e história Capítulo 18 - A teoria da verificação - Como as histórias são verificadas - Sobre a autodefinição - A história como parábola - História e caso Capítulo 19 - Nós e eu - O Nós na história universal profana - O Nós na história universal religiosa Posfácio - Envolvimento e enredo. É concebível uma fenomenologia pura da narratividade?
Características

Características

Código de Barras 9788575254103
Autor(a): Wilhelm Schapp
Editora Sergio Antonio Fabris Editor
I.S.B.N 9788575254103
Estado Novo
Peso Livro 655
Altura Livro 24.00 cm
Largura Livro 14.00 cm
Profundidade Livro 2.00 cm
Comentários

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.


DESEJA RECEBER NOVIDADES E PROMOÇÕES TODA SEMANA?INSIRA SEU E-MAIL PARA SE CADASTRAR EM NOSSA NEWSLETTER